Como saber se você tem transtorno afetivo bipolar ou bipolaridade!

0

Visão geral da depressão bipolar ou bipolaridade

O transtorno afetivo bipolar ou bipolaridade é uma doença mental marcada por mudanças extremas no humor, uma inconstância de  altos ao baixos. Esta condição também é chamada de transtorno bipolar ou depressão bipolar.

Pessoas com transtorno afetivo bipolar podem ter dificuldade em gerenciar tarefas da vida cotidiana, na escola,  no trabalho, ou até em manter relacionamentos. Não há cura, mas existem muitos tratamentos que podem ajudá-lo a gerenciar os sintomas.

Quais são os sintomas de bipolaridade?

Durante uma alta emocional, uma pessoa com transtorno bipolar pode se sentir animada, impulsiva, eufórica e cheia de energia. Durante uma baixa emocional , os sintomas de bipolaridade podem ser:


  • tristeza profunda;
  • desesperança;
  • perda de energia;
  • falta de interesse nas atividades que desfrutavam;
  • períodos de pouco ou muito sono;
  • pensamentos suicidas;
depressao bipolar ou bipolaridade

As pessoas com sintomas de transtorno bipolar ou bipolaridade podem ter pensamentos suicidas!

Como é diagnosticado os sintomas de bipolaridade?

Os sintomas de Bipolaridade afetam cerca de 2% da população do Brasil. Para ser diagnosticado com um episódio maníaco, os sintomas devem durar pelo menos uma semana ou pode até causar a internação da pessoa. A pessoa deve sentir sintomas quase todos os dias durante esse período.

A depressão bipolar pode ser difícil de diagnosticar porque as mudanças de humor podem variar. É ainda mais difícil de diagnosticar em crianças e adolescentes. Esta faixa etária muitas vezes tem maiores mudanças no humor, comportamento e níveis de energia.

O transtorno bipolar geralmente piora se não for tratado. Os episódios podem acontecer com mais frequência ou se tornarem mais extremos. Mas se o transtorno bipolar é tratado, é possível levar uma vida saudável e produtiva.

Quais são os tipos de transtorno bipolar?

Transtorno bipolar I

Transtorno bipolar I é definido pelo aparecimento de pelo menos um episódio maníaco. A pessoa pode experimentar episódios depressivos antes ou depois de qualquer situação desconfortável que o individuo tenha passado.

Transtorno bipolar II

Pessoas com este tipo de transtorno bipolar experimentam um episódio depressivo maior, que  pode durar pelo menos duas semanas. Eles também terão pelo menos um episódio hipomaníaco que dura cerca de quatro dias.

Ciclotimia

Pessoas com ciclotimia apresentam episódios de hipomania e depressão. Estes sintomas são mais curtos e menos graves do que os episódios maníacos e depressivos, mas flutuam com frequência. A maioria das pessoas experimentam essa sensação por um mês ou dois em um momento em que seu humor esteja estável.

Transtorno afetivo bipolar de ciclismo rápido

O transtorno afetivo bipolar de ciclismo rápido causa mudanças de humor mais rápidas do que outros tipos de transtorno bipolar. Uma pessoa com este tipo pode ter quatro ou mais episódios de depressão maiores, mania, hipomania ou sintomas mistos dentro de um ano.

Existe tratamentos para o transtorno bipolar

Existem vários tratamentos para o transtorno bipolar disponíveis que poderá ajudá-lo a gerenciar seu transtorno afetivo bipolar. Eles incluem medicação, aconselhamento e mudanças de estilo de vida.

Os medicamentos recomendados podem incluir:

  • estabilizadores do humor, como o carbonato de lítio;
  • antipsicóticos, como a olanzapina;
  • antidepressivos-antipsicóticos, como a fluoxetina;
  • benzodiazepinas, um tipo de medicação anti-ansiedade, pode ser usado por um curto período de tempo para pessoas com transtorno bipolar.
tratamentos-para-o-transtorno-bipolar

Existem vários tratamentos para o transtorno bipolar disponíveis que poderá ajudá-lo a gerenciar seu transtorno afetivo bipolar!

Mudanças de estilo de vida para controlar a depressão bipolar

Existem alguns passos simples que você pode tomar agora para gerenciar o transtorno afetivo bipolar:

  • mantenha uma boa rotina de alimentação e sono;
  • Aprenda a reconhecer as mudanças de humor;
  • Peça a um amigo ou a um parente para apoiar planos de tratamento;
  • Se consulte com um médico ou um profissional de saúde licenciado.
transtorno-afetivo-bipolar-bipolaridade

Caso apresente sintomas de bipolaridade, você deve se consultar com um médico ou um profissional de saúde licenciado!

Dicas para suportar o transtorno afetivo bipolar ou bipolaridade

O transtorno afetivo bipolar ou bipolaridade  afeta cerca de 60 milhões de pessoas ao redor do mundo. Se você tem ou conhece alguém que possui o transtorno bipolar ou bipolaridade, saiba que não está sozinho. A melhor coisa que você pode fazer é educar a si mesmo e aos que estão à sua volta.

Existem muitos recursos de bipolaridade disponíveis Faça uma consulta com seu médico se você acha que está com sintomas de transtorno afetivo bipolar. Caso você ache que um amigo, parente ou conhecido possa ter transtorno bipolar, seu apoio e compreensão são cruciais. Incentive-os a ir em um médico e falar sobre os sintomas que estão tendo.

As pessoas que estão passando por um episódio depressivo ou bipolaridade podem ter pensamentos suicidas. Você deve sempre falar de suicídio seriamente. Se você ou alguém que você conhece está tendo pensamentos suicidas, ligue para o 911 ou seu número de emergência local ou uma linha direta de suicídio, como a Linha Nacional de Prevenção do Suicídio.

Como saber se você tem transtorno afetivo bipolar ou bipolaridade!
5 (100%) 2 votes

Gostou do artigo? Então compartilhe com seus amigos:

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest